Santo André vacina contra pólio neste sábado

Santo André

07/06/2024  

Santo André vacina contra pólio neste sábado em unidades de saúde e no Parque Celso Daniel

 

Iniciativa da Secretaria de Saúde faz parte do Dia D e também tem como objetivo atualizar a caderneta de vacinação

 

Santo André prepara grande ação no sábado (8) para vacinar crianças de seis meses a menores de cinco anos contra a poliomielite, que causa a paralisia infantil. Todas as 34 unidades básicas de saúde estarão abertas, das 8h às 17h, com oferta do imunizante e também vão atualizar a caderneta de vacinação. Além disso, será montada tenda no Parque Celso Daniel, também das 8h às 17h, exclusivamente para vacinar contra a poliomielite. 

 

De acordo com diretrizes do Ministério da Saúde, as crianças de 1 ano a menores de 5 anos que já receberam as três doses de vacina injetável contra poliomielite deverão ser vacinadas indiscriminadamente com a dose oral, a famosa gotinha. Os imunizantes estão disponíveis tanto nas unidades de saúde como na tenda do Parque Celso Daniel. 

 

“A vacina salva vidas e em Santo André não medimos esforços para levar os imunizantes no lugar onde a população está. Além de abrir todas as unidades espalhadas pela cidade, teremos um ponto extra de vacinação no Parque Celso Daniel para facilitar ainda mais o acesso das pessoas. É muito importante que os responsáveis levem as crianças que fazem parte do público-alvo para se proteger da paralisia infantil”, destacou o secretário de Saúde, Acacio Miranda. 

 

A ação do sábado faz parte do Dia D, mobilização nacional que tem o intuito de chamar atenção da população sobre a importância de imunizar as crianças que fazem parte do público-alvo. A campanha nacional de vacinação contra a poliomielite começou no dia 27 de maio e vai até 14 de junho. Caso não seja possível garantir a imunização no sábado, os responsáveis podem levar as crianças às unidades básicas de saúde de segunda a sexta, das 8h às 16h.

 

Para garantir a imunização, é necessário apresentar o número do CPF, documento com foto ou certidão de nascimento. Também é importante apresentar a caderneta de vacinação da criança para que seja aplicada alguma dose que esteja faltando.

Top