SA inicia ações da Semana de Combate Sexual

Semana de Combate ao Abuso contra Crianças e Adolescentes

12/05/2022  

Santo André inicia atividades da Semana de Combate ao Abuso Sexual contra Crianças e Adolescentes

 

Ações serão realizadas de 16 a 20 de maio no Paço Municipal e nos Cras da cidade

 

A Secretaria de Cidadania e Assistência Social de Santo André, em parceria com a Escola de Ouro Andreense, irá promover ações alusivas ao Dia Nacional de Combate ao Abuso Sexual contra Crianças e Adolescentes, que ocorre no dia 18 de maio. As atividades lúdicas e as palestras informativas serão realizadas de 16 a 20 de maio.

 

"São atividades muito importantes para a cidade, principalmente neste momento de pandemia que atravessamos, onde percebemos um aumento muito significativo na incidência destas situações. Então é importante que os munícipes tenham este conhecimento, além desta discussão do tema com os agentes da rede que atendem este público, para buscar a garantia de direitos das nossas crianças e adolescentes", destaca o secretário de Cidadania e Assistência Social, Marcelo Delsir.

 

A programação terá início na próxima segunda-feira (16), com a palestra "Panorama da violência sexual contra crianças e adolescentes no Estado de São Paulo, pós-pandemia". Na terça-feira (17) os munícipes poderão conferir a palestra "SINAN - Sistema de Informação de Agravos de Notificação: Panorama da Violência Sexual no município de Santo André".

 

Na quinta-feira (19) o tema será "Aspectos jurídicos da exploração sexual infantil", e na sexta-feira (20) o tema da palestra será "O fenômeno da violência, em especial da violência sexual no desenvolvimento de crianças e adolescentes".

 

Todas as palestras serão ministradas no Paço Municipal, entre 9h e 11h30, no Salão Burle Marx. As vagas são limitadas e o acesso somente será autorizado para as pessoas devidamente inscritas no site www.escoladeouro.com.br. Todos os inscritos receberão certificados de participação.

 

Caminhada - A programação inclui ainda a 1ª caminhada de Prevenção a Violência Sexual Contra Crianças e Adolescentes, que será realizada na quarta-feira (18). A iniciativa organizada pelos Cras (Centros de Referência de Assistência Social), em conjunto com as entidades sociais que realizam os serviços de convivência e fortalecimento de vínculos no município, envolverá aproximadamente 450 crianças e adolescentes, com participação das famílias e moradores dos territórios de abrangência dos serviços.

 

A proposta é dar a voz às crianças e adolescentes, protagonizando o direito a uma infância e crescimento sem violências, que com barulho de apitos e distribuição de frases estimulando a denúncia no Disque 100, ainda que anônima, mostrarão que é possível fazer a diferença e prevenir violências em geral.

 

O dia 18 de maio traz a possibilidade de dar visibilidade e a devida importância à proteção social de crianças  e adolescentes e neste caso, nada melhor do que o próprio protagonista de sua história levantar sua voz para seus direitos.

 

Dia Nacional de Combate ao Abuso Sexual contra Crianças e Adolescentes - A data foi instituída em 2000 pelo projeto de lei 9970/00. A escolha se deve ao assassinato de Araceli, uma menina de oito anos que foi drogada e morta por jovens de classe média alta, no dia 18 de maio de 1973, em Vitória (ES). Esse crime, apesar de sua natureza hedionda, até hoje permanece impune.

Top