Corinthians e Grêmio ficam no 0x0 em Itaquera

Futebol

12/05/2019  

Na noite desta quarta-feira, em jogo válido pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro, Corinthians recebeu o Grêmio na Arena, e, em jogo morno e de poucas chances, empatou, em 0 a 0. O Grêmio chegou a ter um pênalti marcado a seu favor, que foi revisto pelo VAR e anulado. Com o empate, o Timão chega a cinco pontos e figura na oitava colocação do Brasileirão. O Grêmio, por sua vez, segue sem saber o que é vitória na competição, e amarga a décima sétima posição, na zona de rebaixamento, com dois pontos.  Em primeiro tempo morno, VAR é protagonista A disposição e a disputa pela posse de bola marcaram os primeiros minutos de jogo na Arena Corinthians. O Grêmio buscou propor o jogo, e trocava passes no campo de ataque. Tanto que a primeira chegada com perigo foi gaúcha, mas Manoel apareceu para tirar de Luan e afastar o perigo. A resposta alvinegra veio logo em seguida. Na base do contra-ataque, o time da casa saiu em velocidade, e tentou com Ramiro pela direita. O camisa 28 procurou Boselli na área, mas a zaga gremista chegou para mandar pela linha de fundo. O tempo foi passando, o domínio territorial dos visitantes continuou, mas as oportunidades mais incisivas no último terço não apareceram para nenhum dos dois lados. Os comandados de Renato Gaúcho eram organizados com a bola nos pés, os de Fábio Carille sem ela, e assim foi o confronto por toda a primeira etapa. Muita transpiração e pouco inspiração em Itaquera. Nos minutos finais, enfim uma boa oportunidade para cada lado. Pelo time da casa, Clayson roubou bola de Montoya ainda no campo de defesa, e atravessou todo o campo em velocidade. O atacante chegou ao fundo, limpou a marcação e deu belo cruzamento para Boselli, que testou firme para grande defesa de Paulo Victor. Aos 43, veio o troco gremista. Luan sofreu falta na entrada da área. Após quase três minutos de muita reclamação e paralisação, o camisa 7 trocolor foi para a cobrança e acertou o poste direito de Cássio. Quase o primeiro. Pouco depois, quem apareceu foi Everton. O atacante chutou, a bola acertou o braço de Fagner na área e a arbitragem marcou pênalti. Porém, após consulta ao VAR, o árbitro voltou atrás e anulou a penalidade. Sem emoção, sem gols A volta do intervalo foi animada na Arena Corinthians. Carille promoveu a entrada de Vágner Love no lugar de Boselli. E funcionou rápido. Logo no primeiro minuto, após bela triangulação, o atacante recebeu de Ramiro, fintou a marcação e bateu bonito. Paulo Victor se esticou todo para mandar para escanteio. E o camisa 9 entrou com tudo no duelo. No minuto seguinte, o artilheiro do amor dominou dentro da área, girou para cima da marcação gremista e bateu firme para nova defesa do arqueiro gremista. Depois do bom início alvinegro, o Grêmio tratou de equilibrar as ações. Os comandados de Renato Portaluppi chegaram com Luan, que buscou o chute da entrada da área. A bola desviou, e Cássio saltou para espalmar para o lado. O tempo foi passando, e o marasmo dos 45 minutos iniciais voltou à tona. Os dois times brigavam muito pela posse no meio de campo, mas não conseguiam agredir com contundência o adversário. A falta de ofensividade das equipes persistiu até o apito final. Fim de jogo, times devendo e nada de gols na Arena Corinthians.

 

Texto retirado de ogol.com.br


Top