Azulão vence o Palmeiras no Allianz

São Caetano do Sul

06/03/2018  

Em compromisso pela décima rodada da Série A-1 do Campeonato Paulista, o São Caetano venceu o Palmeiras, nesta segunda-feira, no Allianz Parque, pelo placar de 1 a 0. Chiquinho, ainda no início da primeira etapa, fez o gol do time dirigido por Pintado.

Situação 

Com o resultado positivo conquistado na casa palmeirense, o Azulão soma agora 13 pontos pelo Grupo B, vitória que o distancia da zona de risco e o deixa na vice-liderança, atrás apenas do São Paulo.
Tabu

A vitória contra o Verdão também decretou o fim de um tabu de oito anos sem triunfos frente ao adversário. O último havia acontecido no Paulistão de 2010, quando o Pequeno Gigante ganhou por 4 a 1.
O jogo 

Melhor no começo da partida, o grupo dirigido por Pintado não demorou em abrir o placar. Logo aos seis minutos, Alex Reinaldo cruzou da direita e Chiquinho bateu cruzado para fazer o único gol do embate.

Pouco tempo depois, Diego Rosa quase ampliou. Em novo cruzamento vindo da direita, o meia-atacante finalizou de letra e Fernando Prass defendeu.

A vantagem na etapa inicial quase aumentou com Ferreira, que chegou a balançar as redes do adversário. O árbitro, entretanto, alegou irregularidade no lance e anulou o tento azulino.

Na frente do placar, o São Caetano passou a administrar o resultado até o apito final para garantir a terceira vitória consecutiva na disputa.

Sequência

O São Caetano agora volta a campo para enfrentar o Botafogo na quinta-feira (8), às 19h15, no Anacleto Campanella. Em duelo que conta com a promoção do Futebol Sustentável, o torcedor pode garantir o seu ingresso ao trocar por duas garrafas Pet.

Ficha técnica:

Local: Allianz Parque, em São Paulo (SP)

Árbitro: Vinicius Furlan

Assistentes: Herman Brumel Vani e Alberto Poletto Masseira

Gol: Chiquinho, aos 6' do 1º(São Caetano)

SÃO CAETANO: Helton Leite (Paes); Alex Reinaldo, Sandoval, Max e Bruno Recife; Vinícius Kiss, Diego Rosa e Ferreira; Erminio (Esley), Niltinho (Carlão) e Chiquinho
Técnico: Pintado

PALMEIRAS: Fernando Prass; Fabiano, Luan, Juninho e Michel Bastos; Thiago Santos; Keno, Bruno Henrique (Moisés), Tchê Tchê (Willian) e Gustavo Scarpa; Guerra (Papagaio)
Técnico: Roger Machado

Fabrício Cortinove/Assessoria de Imprensa
  

Top